Um Oscar para o cinema mudo

Ontem à noite rolou em Los Angeles a premiação mais esperada do cinema, o Oscar! O filme francês “O Artista” foi o ganhador mais importante da noite, seguido de “Hugo Cabret”, do mega talentoso Martin Scorcese.

Os dois filmes homenageiam o cinema. “Hugo”, com um 3D que recria cenas clássicas da sétima arte com um espetáculo de imagens e cores. Já “O Artista” com uma história irreverente sem dizer uma palavra e sem cor ou efeito algum. Dá pra acreditar?!

Diretor e elenco de "O Artista"

Nada mais bacana do que ver um filme mudo em pleno século 21 levar os prêmios mais importantes da noite: melhor direção e melhor filme! Belo jeito de mostrar para o público que um filme talentoso não é definido por efeitos especiais, sons e alta tecnologia.

Meryl Streep levou o prêmio de "melhor atriz"

Como todo mundo já esperava, a atriz Meryl Streep ganhou mais um Oscar pela interpretação de Margaret Thatcher em “A Dama de Ferro”! Já o prêmio de melhor ator ficou com Jean Dujardin, também pelo “O Artista”.

Sérgio Mendes, Carlinhos Brown e Carlos Saldanha

A parte triste da noite ficou com a perda do prêmio de melhor canção original para o Brasil, que concorria com a música “Real in Rio”, do super sucesso “Rio”. Carlinhos Brown e Sérgio Mendes, compositores da canção, estavam lá! De qualquer maneira foi muito bacana ver Brown ser o primeiro baiano a receber uma indicação para a maior premiação da história do cinema!

Veja a lista completa dos vencedores aqui e conta pra gente se você concorda com os prêmios!

  • Sobre

  • A Kenner nasceu em 1988. Na garagem de um amigo surfista, na Califórnia, Peter Simon teve a ideia de confeccionar uma sandália confortável, original e que utilizasse os melhores materiais disponíveis no mercado. Surgiam então as Sandálias Kenner!

    Leia mais
  • Instagram

  • Arquivo

Receba nossas novidades